Home CLUBE DE JOVENS CLUBE DE JOVENS – COMO ORGANIZAR?
CLUBE DE JOVENS – COMO ORGANIZAR? PDF Imprimir E-mail

Acredite que o Clube de Jovens é um programa que poderá revolucionar a vida dos jovens da sua igreja. Não é um programa de entretenimento. Nem idéias para a Sociedade JA. Nem é uma estratégia para manter os jovens grudados nos bancos da igreja. É isto sim, um instrumento para envolver os jovens na vida da Igreja.

 

O Clube é onde os jovens formam um grupo de vida: estudam juntos a Bíblia, oram uns pelos outros, planejam atividades de testemunho, divertem-se em recreações saudáveis, comprometem-se uns com os outros e constroem amizades duradouras.

 

JOVENS NA IGREJA

JOVENS NO CLUBE DE JOVENS

• Dispersos e sem o que fazer.

• Organizados e sabem o que fazer.

• Quase ninguém se conhece: há um grupinho aqui, outro ali.

• Todos se conhecem: é um grupo de amigos, grupo de vida.

• O diretor JA precisa formar uma “panelinha” auxiliar.

• Desperta liderança: todos têm uma função no Clube de Jovens.

• Atividades voltadas para o próprio umbigo.

• O grupo age “para fora.”

• Atividades sem muito envolvimento.

• Atividades com envolvimento de todos.

• Ação esporádica

• Ação transformadora. O jovem deixa de ser assistente.

 
  • A comissão da igreja elege a diretoria:
    •  Diretor 
    •  Associado Tesoureiro
    •  Associado Secretário 
  • A diretoria se reúne e relaciona os jovens da igreja, dividindo-os em equipes de no máximo 10 jovens. O critério para a divisão em equipes é o que for melhor dentro da realidade de cada igreja. Ex: aleatoriamente, bairro onde mora, afinidades, etc.

Membros participantes: 16 a 30 anos (20% de pessoas acima de 30 anos podem participar, desde que tenham espírito jovem).

  • Cada equipe já formada escolhe seu “líder”, ou a própria diretoria do Clube nomeia os “líderes” ou coordenadores.  
  • A diretoria escolhe com os jovens, um nome para o Clube e cada equipe escolhe um nome, relacionado ao nome do Clube.
  • A diretoria convidará todos os coordenadores das equipes para organizar o planejamento semestral.

O Clube de Jovens trabalha para atender seis necessidades básicas dos jovens. Essas seis necessidades formam as seis áreas que nós trabalhamos no Clube de Jovens. São elas:

1 – Senso de Comunhão (Vida Devocional)

2 – Senso de Realização (Desenvolvimento dos Talentos)

3 – Senso de Missão (Evangelismo)

4 – Senso de Adoração (Culto JA)

5 – Senso de Propósito/Idealismo (Projetos Comunitários)

6 – Senso de Pertencer/Confraternização (Recreação e Esportes)

Para atender as seis áreas de ação da juventude a comissão do Clube de Jovens se reúne para planejamento e avaliação:

  • Diretor
  • Associados
  • Líderes das equipes

Quando a Comissão do Clube de Jovens se reunir para fazer o planejamento, deve encarar cada área e perguntar “O que fazer?” para suprir aquela necessidade. Vejamos:

O que fazer para fortalecer a vida devocional dos jovens?

1 – Senso de Comunhão (Vida Devocional)

“... e três vezes no dia se punha de joelhos, e orava, e dava graças, diante de seu Deus...” Daniel 6: 7

O jovem cristão se distingue por sua comunhão particular com Deus. Sugestões:

  • Cada jovem estudando a lição da Escola Sabatina.
  • Leitura particular da Bíblia. Cada jovem realizando o ano bíblico.
  • Plano de oração intercessória – dividir os jovens em duplas de oração.
  • Concurso bíblico da lição da semana anterior ou do ano bíblico.
  • Leitura do livro do ano
  • Leitura dos livros do Espírito de Profecia
O que fazer para desenvolver os talentos dos jovens? 

2 – Senso de Realização (Desenvolvimento dos Talentos)

“E a um deu cinco talentos, e a outro, dois, e a outro, um, a cada um segundo a sua capacidade...” Mateus 25:15

O programa interno e externo da igreja necessita de jovens que atuem servindo ao Senhor. Sugestões:

  • Assumindo um cargo na igreja.
  • Promover o programa de medalha de dedicação.
  • Participando da Escola Sabatina – Cada sábado os jovens participando ativamente na Escola Sabatina.
  • Produzindo melhoramentos no prédio da igreja.
  • Promover alguns cultos JA – caça-talentos.
  • Promover um curso de pregadores para jovens e incluí-los na escala de pregação em algumas ocasiões.
O que fazer para envolver os jovens no evangelismo? 

3 – Senso de Missão (Evangelismo)

“E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-as a guardar todas as coisas que vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém!” Mateus 28: 18 - 20

O cumprimento da missão é o fator que motivou as primeiras organizações dos Jovens Adventistas. A cada ano a igreja promove importantes campanhas evangelísticas, e os jovens devem estar integrados. Sugestões: 
  • Levá-los a participar do Evangelismo Semana Santa. Desafiar alguns a dirigir um calvário de uma semana.
  • Caravana do Poder Jovem.
  • Batismo da Primavera.
  • Classes bíblicas ou grupo de estudos da Bíblia.
  • Duplas missionárias.
  • Evangelismo Jovem.
  • Missão Calebe.
  • Pequenos grupos com todos os jovens.
  • Serenatas para jovens fracos e afastados.
  • Desenvolver especialidades missionárias.

Haverá requisitos de evangelismo, para serem praticados no dia a dia, tais como:

- visitas missionárias realizadas
- folhetos distribuídos
- testemunhos dados à pessoas não cristãs ou de outras denominações
- trazer uma pessoa não adventista para visitar nossa Igreja, etc.
- comemoração de datas de aniversários

O que fazer para melhorar o culto jovem e tê-lo a cada sábado? 

4 – Senso de Adoração (Culto JA)

“Celebrai com júbilo ao Senhor, todos os moradores da terra. Servi ao Senhor com alegria e apresentai-vos a Ele com canto. Sabei que o Senhor é Deus; foi Ele, e não nós, que nos fez povo Seu e ovelhas do Seu pasto. Entrai pelas portas dEle com louvor e em Seus átrios, com hinos; louvai-O, bendizei  o Seu nome. Porque o Senhor é bom, e eterna, a Sua misericórdia; e a Sua verdade estende-se de geração a geração”.  Salmo 100

A igreja reconhece a necessidade que os jovens têm de se relacionar no processo de adoração, com características mais peculiares. Sugestões:

  • Louvor congregacional e músicas especiais.
  • Definir temas sequenciais que alimentem a alma dos jovens, assuntos que os esclareçam e que os tornem mais aptos no viver cristão.
  • O Clube de Jovens deve preparar e realizar pelo menos um JA por mês.
  • Num culto de adoração completo deve ter: 1) estudo da Palavra (mensagem); 2) Momentos de oração; 3) Louvor; 4) Oportunidade de ofertar.

Poderá ser elaborado um sistema de pontuação, para as partes do programa.

  • Realizar um mutirão de pôr-do-sol, durante um mês – poderá ser feito na Igreja ou na casa de um jovem
  • “Alô, Feliz Sábado!” – linguagem ao telefone, na sexta-feira depois do por-do-sol.
Envolver os jovens em que projeto comunitário? 

5 – Senso de Propósito/Idealismo (Projetos Comunitários)

“Conhecemos a caridade nisto: que Ele deu a Sua vida por nós, e nós devemos dar a vida pelos irmãos. Quem, pois, tiver bens do mundo e vendo o Seu irmão necessitado, lhe cerrar o seu coração, como estará nele a caridade de Deus? Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade”. I João 3:16-18

Além da experiência do Bom Samaritano, em Mateus 25:35-46 Jesus mostra alguma das características altruístas dos que estarão à sua direita, e então descobrimos como devemos nossa parte. Sugestões: 
  • Assistir aos órfãos.
  • Visitar enfermos.
  • Ajudar com cestas básicas.
  • Projeto Vida por Vidas – doação de sangue.
  • Restaurar casa de uma pessoa pobre.
    • Cada equipe fica responsável para atender uma das necessidades. Ex: telhas, caibros, cimento, ripas, etc.
  • Arrecadação e distribuição de alimentos e roupas.
  • Aplicação de flúor.
  • Adotar uma praça.

E diversas outras campanhas de auxílio cristão. Muita coisa pode ser feita.

O que fazer para integrar os jovens nos esportes e na recreação?

6 – Senso de Pertencer/Confraternização (Recreação e Esportes)

“Alegra-te, jovem, na tua mocidade, e alegre-se o teu coração nos dias da tua mocidade, e anda pelos caminhos do teu coração e pela vista dos teus olhos; sabe, porém, que por todas essas coisas te trará Deus a juízo”. Eclesiastes 11:9

É necessário as práticas de esportes e recreação, para promover interação e desenvolvimento entre os jovens da igreja. Diversificar – a cada 2 domingos uma atividade diferente. Sugestões:

  • Torneio de vôlei misto.
  • Torneio de ping-pong.
  • Gincanas recreativas.
  • Esportes radicais – rafting, treking, canoagem, rapel, escalada, arborismo, etc.
  • Esportes variados – futebol, queimadas, vôlei, etc., envolvendo homens e mulheres.
  • Passeios culturais – Parque Ibirapuera, Museus, Exposições, etc.
  • Caminhadas, passeios ciclísticos, esportes.
  • Trabalhos manuais, artesanato, etc.

Sugerimos que as atividades esportivas sejam mensais e que sempre envolvam moças e rapazes. Observando-se que a pontuação máxima seja para a disciplina e espírito cristão.

PROGRAMAÇÃO DO CLUBE DE JOVENS

  • Reunião geral a 15 dias:
    • Meditação
    • Traga suas dúvidas
    • Classe de Liderança
    • Conhecendo a Missão – por um oficial da Igreja
    • Dinâmica
  • Realizar recreação de aventura a cada dois meses: caminhada, passeio ciclístico, rafting, canoagem, etc.
  • Definir um Projeto Missionário permanente.

Fica sob a responsabilidade da diretoria a motivação para os jovens se superarem através dos seguintes programas:            

 Medalha de DedicaçãoLíder JA
 Medalha de PrataLíder JA master
 Medalha de OuroLíder JA master avançado 

O planejamento deverá ser levado ao pastor e à comissão da igreja para o devido conhecimento do que será realizado pelos jovens.